Busca  

A Casa

História

Notícias

Fórum e debates

Imagens

Desenvolvimento Sustentável

Programas

Projetos

Estatutos e Regulamentos

ONG Portal

Banco de Voluntário

Dicas de Sites

Contato

Programas

    Atividades da Casa da Cidadania


A Associação da Casa da Cidadania fundada em setembro de 1999 é uma entidade jurídica com finalidades não econômicas e constitui-se como um projeto social incorporando os aspectos da Agenda 21, atualmente reúne 17 entidades, também com finalidades não econômicas sob o mesmo teto. Nem todas têm constituição jurídica, mas todas exercem um amplo trabalho social.Dispõe de uma sede própria doada, em 1998, por um empresário para o Comitê de Ação da Cidadania Contra a Fome a Miséria e Pela Vida. O Comitê foi inspirado no movimento protagonizado pelo Betinho (Herbert de Souza) na década de 90.

A Associação da Casa da Cidadania fundada em setembro de 1999 é uma entidade jurídica com finalidades não econômicas e constitui-se como um projeto social incorporando os aspectos da Agenda 21, atualmente reúne 17 entidades, também com finalidades não econômicas sob o mesmo teto. Nem todas têm constituição jurídica, mas todas exercem um amplo trabalho social.Dispõe de uma sede própria doada, em 1998, por um empresário para o Comitê de Ação da Cidadania Contra a Fome a Miséria e Pela Vida. O Comitê foi inspirado no movimento protagonizado pelo Betinho (Herbert de Souza) na década de 90. A Associação da Casa da Cidadania disponibiliza o seu auditório com capacidade para 50 pessoas, para a realização de diversos eventos, entre eles: cursos, palestras, seminários e reuniões.

As entidades e os grupos associados a Casa da Cidadania desenvolvem uma ampla atividade social na sua área de ação. Como exemplos de atividades citamos:-- a criação pela OSCIP Vila Imperial Cidadania e Ética (VICE) da TV Vila Imperial - Organização das Entidades Usuárias de Canal Comunitário em Petrópolis, com sede na Casa e que atualmente transmite a sua programação por TV a Cabo, atendendo a mais de 50.000 usuários do serviço de tv na cidade.-- a FAMPE - Federação das Associações de Moradores de Petrópolis que reúne na Casa da Cidadania um grande número de lideranças comunitárias, sendo que sem este espaço ficaria sem condições de exercer a sua organização enquanto entidade do movimento social.-- a Pastoral da Criança que mensalmente utiliza a cozinha da Casa da Cidadania pelos agentes da para fazer o leite forte que é levado para as comunidades de baixa renda para serem distribuídas às crianças desnutridas. Além da atuação das instituições por si só, a Casa da Cidadania acaba servindo como um momento de integração destas instituições, promovendo campanhas de arrecadação de alimentos para distribuir aos necessitados.-- Um trabalho significativo realizado na Casa da Cidadania está relacionado aos quatro Grupos Anônimos de Auto-Ajuda, que realizam um trabalho permanente.A Casa da Cidadania também abre espaço para as reuniões dos Conselhos Municipais de Políticas Públicas, tais como: Conselho Municipal de Transportes, Conselho Municipal do Idoso, Conselho Municipal dos Deficientes Físicos, Conselho do Municipal do Orçamento Participativo. Além disso, serviu para encontros de variados Fóruns, como: Fórum Popular, Fórum de Meio Ambiente, Fórum de Saneamento, entre outros.

Em janeiro de 2004 foi criado na Casa da Cidadania o Movimento "Trabalho para os Sem-trabalho", que tem a expectativa de, a partir de ações locais, irradiar-se por todas as cidades brasileiras promovendo a geração de trabalho e renda aos milhões de brasileiros desempregados.Com a máxima de que "A solução para as pessoas sem trabalho é o trabalho" em Petrópolis a Casa da Cidadania em parceria com outras entidades já realizou e deu iniciativa as seguintes ações:

1 - divulgar o Movimento na Tribuna do Cidadão da Câmara de Vereadores, fato que ocorreu no dia 29 de abril, às 16 horas, onde foi proposto criação da Comissão Petropolitana de Combate ao Desemprego. Em 5 de maio de 2004 o Vereador Paulo Mustrangi oficializou a proposta e fez uma Indicação Legislativa , propondo a criação da Comissão. A proposta foi aprovada em agosto de 2004 e até 16 de janeiro de 2005 os vereadores ainda não a implementaram a proposta.

2 - Reunir dirigentes de Associações de Moradores para divulgar experiências (Escambo / Clube de Trocas, Cooperativas Populares, Trabalho Voluntário; outras)definir ações. Em reunião realizada as 19:00 horas do dia 29 de abril com a FAMPE - Federação das Associações de Moradores de Petrópolis, será escolhida 4 associações para desenvolver ações pilotos nos bairros.

3 - Cadastro de jovens de 16 a 24 anos, objetivando desenvolver ações baseadas na legislação federal; Leis nº 10.748/2003 ( Primeiro Emprego) e nº 9.608/1998 ( Lei do Voluntário). Já foram cadastrados até dezembro de 2004, 260 jovens.

4 - Realizado o Fórum de Debates  em 28 de maio durante a EXPO Petrópolis 2004 no Hotel Quitandinha, com a presença de 112 participantes. No evento foram apresentadas e debatidas diversas ações de criação de trabalho relacionadas a Economia solidária, tais como: Clube De Trocas; Cooperativas Populares; EPC - Empresa de Participação Comunitária; Reciclagem; Microempreendedorismo Formal e Informal; Trabalho Voluntário Remunerado, dentre outras.

5 - Participou do processo de seleção do Programa Petrobrás Fome Zero com o Projeto "Incubadora de Empreendedorismo Social" que tem por objetivo desenvolver ações para criação de Banco de Talentos, Cooperativas Populares e Empreendedores Comunitários. O projeto não foi selecionado e foi transformadaeverá  em janeiro de 2005 no Programa de Empreendedorismo Social, cujos detalhes encontra-se detalhados neste site.

6- Atendendo pedido do Ministério do Trabalho e Emprego voluntários da OSCIP VICE colaboraram na criação da "Associação dos Empresários e Empresas da Cia Petropolitana", e estão participando em Grupo de Trabalho formado pelo IPHAN, MTE, Prefeitura Municipal, Sebrae/RJ, FEEMA, UFF, CEF, IBGE e outras na busca de soluções de natureza jurídica, técnica e administrativa de forma manter funcionando o Condomínio que funciona na Cia Petropolitana que é formado de 47 pequenos negócios, empregando de forma direta  cerca de 400 pessoas e como trabalho indireto envolvendo mais de 2000 pessoas.

7-  A Casa da Cidadania patrocinou junto com o Ministério do Trabalho e Emprego, Sebrae/RJ, Prefeitura Municipal e  Associação comercial e Empresarial de Petrópolis o Seminário Economia Solidária, que ocorreu no dia 26 de novembro de 2004.


Outros textos desta seção
Declaração de Princípios de uma Rede de Trocas
Feira de Trocas
O que são Clubes de Troca?
Exemplos de Trabalhos de Ajuda Mútua - Rede de Trocas
Rede de Trocas na América Latina
A inspiração do Movimento "Trabalho para os Sem-trabalho"
A Cartilha: Onde Adquirir
Programa de Empreendedorismo Social
"TRABALHO PARA OS SEM-TRABALHO": O SONHO MAIOR DOS PETROPOLITANOS EM 2005 !
Cartilha "Combate a Corrupção nas Prefeituras do Brasil"
Águas Lindas